quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Louro, cheiroso e estimulante

(imagem do google)

A árvore Laurus nobilis - o nosso tão conhecido louro - era consagrada a Apolo, o deus grego da profecia, da poesia e da cura. Suas profecias eram comunicadas pelas sacerdotisas de Delfos, que, entre outros rituais, mastigavam folhas de louro antes de consultarem seu oráculo. Como essas folhas são levemente narcóticas quando ingeridas em altas doses, é possível que induzissem a um estado de transe. O templo de Apolo em Delfos tinha o teto todo coberto com folhas de louro, com a finalidade de proteger contra doenças, magia e relâmpagos. Uma guirlanda de folhas de louro trançadas tornou-se a marca da excelência para poetas e atletas e, para os Romanos, o louro era um símbolo de sabedoria e glória. O termo latino laurus significa láurea, ou laurel (= prêmio, honra) e nobililis quer dizer renomado (= de boa reputação). O louro foi também usado, durante séculos, como remédio contra a peste.

Aqui no Brasil, as folhas de louro são muito usadas no preparo de feijão e feijoada, além de alguns pratos de carne. Ele também compõe o famoso bouquet garni da culinária francesa, junto com o tomilho e a sálvia. Amarra-se os raminhos das três ervas com um fio comprido, antes de mergulhá-los na panela, de modo que possam ser retirados ao final do cozimento. Posso garantir que confere um sabor inigualável a qualquer preparo.

O louro também dá gosto especial aos temperos marinados, quando se deixa carne mergulhada de véspera em uma mistura de vinho e alho, para apurar. Eu o uso ainda quando faço sopas de batata, mandioca ou moranga, e para temperar ricota, junto com outros ingredientes.

Seu perfume é estimulante do apetite e uma infusão de louro auxilia a digestão. Segredinho: um ramo fresco pendurado à cabeceira da cama induz o sono.

Com tantas qualidades, deve haver outros usos para esta folha cheirosa e se vocês conhecerem algum, não se façam de rogados: podem enviar para a minha cozinha, combinado?

Amanhã vou novamente para o sítio, onde devo ficar por alguns dias. Quando chegar, entrarei em contato. Até lá, meu grande abraço.

6 comentários:

Silvana Nunes .'. disse...

Adorei asua cozinha. Vim retribuir a vizita e saber o que está acontecendo na sua cozinha.
Nossa, mastigar louro deve ser barra (rs).
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja um bom final de semana para você.

Cancer de Mama Mulher de Peito disse...

Não sabia, a dica do ramo fresco induzir ao sono, isso é ótimo, vou experimentar.
Você saberia me dizer alguma coisa sobre a ingestão dele fresco.
Na época da Faculdade uma coléga e vários membros de sua família foram parar no hospital. Foi colocado na feijoada ramos verdes.
Beijos bom sítio.
wilma
www.cancerdemamamulherdepeito@blogspot.com

Regina Rozenbaum disse...

Minina tá de cozinha nooooova? Que lindeza... Não tive jeito de vir antes e nem te ligar (quando vier do sítio dá uma ligadinha que te conto o babado, ou melhor, "mamado"...afff)Agora, penso eu, está "sob vigia" e controle.
Do louro adoooooro e não sabia dessa receitinha na cabeceira da cama! Vou dependurar um ramalhete enoooorme rsrs, quem sabe assim durmo melhor e mais! Traga do sítio aquela energia mais que preciosa.
Beijuuss n.c.

www.toforatodentro.blogspot.com

Cristina disse...

Ângela
Eu também uso no feijão e fica muito bom. Espero que você descanse e curta essa paz que reina em seu sítio, pois isso faz bem a alma. Boa semana minha amiga! Bjsssssss

Sabrina disse...

Cheirinho de louro me lembra casa de vó!!! Adorei as dicas!!
Beijocas

Drica disse...

SÓ PASSANDO PRA FALAR UM Oiiiiiiiiiiiii!!!!!
BJS.